Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Rapariga na Aldeia

A Rapariga na Aldeia

Os benefícios do azeite

Post escrito pela nutricionista Liliana Janicas 

 

Podemos considerar o azeite como a gordura mais saudável existente na alimentação. Inúmeros estudos comprovam os seus benefícios nutricionais. A utilização diária de azeite na alimentação traz benefícios inegáveis para a saúde, aconselhando-se, como consumo diário, uma quantidade equivalente a duas ou três colheres de sopa.

43662684_281279059174244_7896442887187988480_n.png(Créditos: Pixabay

 

Os ácidos gordos existentes no azeite são maioritariamente monoinsaturados (MUFA), com um baixo teor em ácidos gordos saturados (SFA) e ausência de ácidos gordos trans. Esta composição única faz do azeite, o óleo de origem vegetal mais saudável no que se refere à constituição dos seus lípidos (perfil de ácidos gordos constituintes). Também a presença de compostos biologicamente ativos, antioxidantes naturais, fitoesteróis, vitaminas lipossolúveis, entre outros, faz com que este tenha um lugar de destaque na dieta mediterrânica, estando incluído no grupo de alimentos que devem ser consumidos diariamente.

O ácido oleico é o ácido gordo claramente maioritário (teores sempre superiores a 55% do total de ácidos gordos) no Azeite. Este ácido gordo monoinsaturado (C18:1, cis 9) é um dos grandes responsáveis pela qualidade nutricional única do azeite, bem como pela grande estabilidade à oxidação e às alterações induzidas por processos de aquecimento, nomeadamente durante a fritura de alimentos. 

 

Principais benefícios nutricionais do azeite na saúde:

- Diminui o risco de ataque cardíaco (estudos com indivíduos acima dos 65 anos têm demonstrado que o consumo intenso de azeite reduz o risco de sofrer um ataque cardíaco)

- Diminui o risco de diabetes tipo 2 (tem vindo a ser comprovado que dietas ricas em ácidos gordos monoinsaturados protegem contra o desenvolvimento de doenças crónicas nomeadamente a diabetes tipo 2)

- Diminui os teores do “mau” colesterol – LDL – e de triglicéridos (o aumento do consumo de azeite, associado à diminuição de consumo de gorduras saturadas e de gorduras trans, contribui substancialmente para a diminuição dos valores de LDL)

 - Contribui para o bom funcionamento cardiovascular (dietas ricas em azeite, ou gorduras monoinsaturadas, melhoram substancialmente a função arterial)

- Ajuda a controlar a pressão arterial (vários estudos científicos contribuem para a conclusão de que o consumo regular de azeite reduz a incidência de hipertensão)

- Diminui o risco de osteoporose (estudos laboratoriais têm demonstrado eficácia no combate aos efeitos da osteoporose, nomeadamente na manutenção dos níveis de cálcio)

 - Efeito protetor contra a depressão (estudos têm demonstrado que a dieta mediterrânica em geral, e o azeite em particular, diminui acentuadamente o risco de depressão e melhora a “saúde” emocional)

 - Confere proteção contra o desenvolvimento de síndrome metabólico (o desenvolvimento de um conjunto de fatores que potenciam o risco de morte por doença cardiovascular poderá ser atenuado pela adoção de uma dieta mediterrânica associada ao consumo regular de azeite)

 - Reduz o risco de alguns tipos de cancro (ensaios laboratoriais têm demonstrado os efeitos positivos de compostos bioativos presentes no azeite contra o desenvolvimento de vários tipos de cancro)

 - Auxilia a manutenção das funções cognitivas (o azeite tem sido associado a efeitos benéficos que contrariam o declínio cognitivo resultante do envelhecimento)

 

Utilize o azeite diariamente com moderação, evite os fritos e guisados!

Tenha uma alimentação equilibrada, variada e saudável!

 

Cumprimentos saudáveis,

15175450_10211532755061413_1171191621_n.jpg

Liliana Janicas

Nº 320N da Ordem dos Nutricionistas

 

A Blogger:

Cátia Santos catiafsantos@hotmail.com

Segue-me:

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D